Domingo Cult, por Tullia Maria: Os Quatro Grandes

11 comentário(s)
Olá, galera!!

Mais um Domingo Cult e eu resolvi repetir a dose da semana retrasada: Outro livro policial!

Vocês já devem ter percebido a minha paixão pelas obras da Agatha Christie e é justamente por isso que eu fico bastante a vontade pra falar das histórias dela! E esse, em especial, me chamou bastante a atenção porque a sinopse falava do Rio de Janeiro e eu não conhecia nenhuma história do Poirot no Brasil!

Por fim, gostaria de agradecer a todos os que leem e comentam nas minhas resenhas! É por causa de vocês que o Domingo Cult se tornou um prazer pra mim! Espero que continuem gostando!

Um grande beijo,

Tullia Maria

Autor: Agatha Christie
Editora: L&pm
Páginas: 208
Sinopse: Poirot está se preparando para sua primeira travessia transatlântica. O destino? A América Latina, mais precisamente o Rio. Mas pouco antes de embarcar, um homem invade a casa do investigador. O intruso se comporta como um louco, chamando por Poirot, rabiscando febrilmente o número 4 e balbuciando palavras desconexas. Até que, como num transe, começa a falar sobre os Quatro Grandes. Mas quem são eles? Uma organização clandestina? Hercule Poirot se vê em meio a uma intriga internacional, que envolve armas secretas, sequestros, laboratórios subterrâneos e fugas de tirar o fôlego.

Poder! Até onde uma pessoa é capaz de ir por causa dele? Ou melhor: o que quatro indivíduos, em especial, são capazes de fazer para se tornarem cada vez mais poderosos? É a partir dessa questão que Agatha Christie vai desenvolver a sua narrativa, marcada por crimes e conspirações.

Hercule Poirot (mais uma vez nosso querido detetive belga) está se arrumando para viajar a trabalho para o Rio de Janeiro e se depara com uma grande surpresa: seu amigo Hastings veio da América do Sul para visitá-lo. Enquanto discutem a incrível coincidência, um homem, em estado de choque, invade a casa do detetive.

Através desse “visitante”, que continuamente repete o nome do investigador e se refere ao número 4, é que Poirot toma conhecimento dos “Quatro Grandes”, pessoas de diferentes países que pretendem dominar a ordem mundial. 
Sabendo que o Número 1 é Li Chang Yen, chinês considerado o cérebro da organização, e que os Números 2 (representante do dinheiro) e 3 (representante do conhecimento) são um americano e uma francesa, o detetive belga se aventura para descobrir a identidade dos outros três componentes e impedir que eles continuem com suas ações destruídoras.

Para isso ele irá contar com a ajuda de seu grande amigo Hastings e de John Ingles, homem que conhece muito bem o comportamento do poderoso chinês. Em diversas situações eles ainda irão ficar frente a frente com o Número 4 (o destruidor) que, através de disfarces, adquire novas identidades com frequência.

Esse livro é completamente diferente de todas as obras de Agatha que eu já li: não há uma morte central, mas crimes em cadeia cujas vítimas eram empecilhos para os interesses dos Quatro Grandes. Além disso, a narrativa é definitivamente eletrizante e cada capítulo representa uma reviravolta na trama.

Poirot, além de investigador, se torna o principal alvo da organização e reencontra antigos “oponentes” que agora trabalham para o poderoso chinês. Precavido e ciente do risco que corre, ele se vê em meio a um emaranhado de sequestros, mortes e mentiras, com direito à participação especial de seu “irmão” Archille Poirot.

Essa obra é muito indicada para quem adora uma aventura, mas ela ainda traz um algo a mais: uma reflexão sobre os valores humanos. Afinal, em que nos transformamos? Nossa sede de poder é tão grande que estamos nos deixando corromper? O leitor poderá refletir com tranquilidade sobre essas e outras questões enquanto imagina o desfecho da trama.

O perigo é iminente e apenas Poirot pode evitá-lo. Será que mais uma vez o nosso amigo belga irá conseguir? Ou a luta contra essa organização representará o seu fim? Para descobrir, só reservando um tempo para Agatha Christie e mergulhando nessa trama repleta de interesses. 
Compre: 
Sobre a colunista: 
Tullia Maria Erseni, tem 15 anos, cursa o 2º ano do Ensino Médio e mora no interior da Bahia. É bem capricorniana e uma das suas maiores paixões são os livros!

11 comentários:

Adriana Brazil disse...

Olá meninas!
Não li nada ainda da autora, mas sinto maior vontade de conhecer suas obras, pelo que ouço são fascinantes.
bjs

Mireliinha disse...

Mais um livro da Agatha que fiquei curiosa pra ler!
Adorei a resenha!

:*
Mi
Inteiramente Diva

Samantha M. disse...

Oi Oi

Hm, ainda não conhecia esse título da Agatha, mas parece ser muito bom! *-*
Estou adorando a coluna cult. <3


XoXo

Samantha Monteiro
Word in my bah.
http://wordinmybag.blogspot.com

Vivian Helena disse...

Também não sabia que Poirot tinha dado as caras no Brasil... muito interessante!
Agatha Christie é sempre uma ótima indicação!

beijo
http://mixmistura.blogspot.com/

Fran disse...

Oiii,
Quanto mais leio resenhas de livros da Agatha Christie, mais fico com vontade de ler um dos livros dela. Confesso que ainda não li nenhum, mas assim que tiver um tempo vou e talvez seja "Os Quatro Grandes" que pela sua resenha pareceu ser bom.

Bjs, Fran
Livros Ao Quadrado

Ana Ferreira disse...

Olá, Tullia! Como vai?
Agatha Christie é Agatha Christie. Clássica inegável!
Acredita, entretanto, que nunca li uma história com Poirot ou Miss Maple? Triiiste ;~
"Os Quatro" pareceu-me bem interessante, ainda que eu prefira as histórias que tenham um assassinato central, não creio que a Rainha do Crime possa realmente perder o seu brilho.

Beijinhos,
Ana - Na Parede do Quarto

BrunaReis disse...

Gente, Agatha é demais né? Tenho vários já pra ler dela.
Adorei a resenha querida
Beijão
Beuna
http://desbravandohistorias.com.br

Rapha disse...

Tulinha tá fazendo todo mundo virar fã da Agatha hein? rsrs

Vou ver se compro algum livro dela :D

Beeijocas pra todos e todas!! ♥

Tullia Maria disse...

Olá, meninas!! Vim responder vocês!! Será que vocês lêem?? haha

Adriana: Te aconselho a ler! Claro que nem todo mundo gosta de policiais, mas conhecer um Agatha é uma ótica opção!!

Mirelinha: Que bom que consegui te deixar curiosa! :) Obrigada!!

Samantha: Vale a pena ler!! Own... Muito obrigada mesmo!! Espero que continue acompanhando a coluna!!

Vivian: Lá vai um pouco de spoiler: ele não vem! :( Mas na sinopse não deixava isso claro!! Só descobri lendo!! Sempre ótima!!]

Fran: Você tem que conhecer... Espero que comece por uma das minhas indicações!! :)

Ana: Tudo ótimo... Concordo plenamente!! Pois eu prefiro as histórias que tem esses dois... Tenta ler uma delas! ^^

Bruna: Muito obrigada!! Demais...

Rapha: hahaha Até você, moça?? Vale muito a pena ler!! Compra se puder! hehe

Beijos!!

Fábrica dos Convites disse...

Oi Tullia, eu também sou uma grande fã da Agatha, já li diversos livros dela, mas este em especial eu não conhecia. Vou procurar para ler. Bjs, Rose.

Tullia Maria disse...

Só vi seu comentário hoje, Rose! Sou muito fã mesmo... Acabei descobrindo esse livro por acaso!! Tomara que goste... Beijos!!
Agradeço novamente a todos que comentaram! ^^

Postar um comentário

Olá, muito obrigada pela visita!
Aproveite e deixe sua opinião a respeito do post, vou adorar! ;)

Para que eu possa responder seu comentário, deixe seu twitter, facebook, e-mail, ou qualquer outra forma de contato rsrs :D

Beijos e volte sempre :*