[Resenha] Jesus Extraterrestre - A Origem, Leo Mark

24 comentário(s)
Autor: Leo Mark
Editora: Giroto
Páginas: 336
ISBN: 978-85-64454-00-2

Adicione no skoob: aqui.

Comprar: O livro está com um super descoontão, por apenas R$ 19,90, corre adquirir o seu! (link para compra)

Visite o site do autor e confira novidades sobre a obra e muitas entrevistas que o Leo deu: http://jesuset.com.br/

Sinopse: Qual a verdadeira origem de Jesus? Quem de fato é Jesus Cristo? Quem de fato é Satanás? Qual a verdadeira origem da humanidade? Essas e muitas outras perguntas serão respondidas neste romance baseado em documentos históricos. O ano é 34 depois de Cristo. Enquanto Jesus é levado ao calvário para ser crucificado, no deserto próximo dali, uma nave desce dos céus e aborda José de Arimateia. Um ser aparece e entrega a ele um cilindro onde deveria colher e guardar o sangue de Jesus. José de Arimateia, pensando se tratar de um Anjo de Deus, não hesita em seguir suas ordens. Ele colhe o sangue de Jesus e esconde o cilindro metálico dentro do cálice utilizado por Jesus na última ceia. O sangue de Jesus… A linhagem de Jesus Cristo e Maria Madalena… O tempo passa, 1992, renasce Jesus Cristo, agora, com o nome de David. Os Illuminatis, sociedade secreta ligada a Satanás, começam a perseguir o garoto. Anos depois, David, é levado por uma nave na qual os seres lhe revelam quem ele é de fato, qual era sua missão na Terra e a verdadeira origem da humanidade. Depois de algum tempo, David volta aos Estados Unidos e começa sua missão: preparar a humanidade para o retorno do primeiro Jesus Cristo, bem como para o Armagedom, a 3ª Guerra Mundial e a luta final entre Jesus Cristo e Satanás. Todavia, antes, ele precisa impedir que Satanás domine o mundo, por meio da Nova Ordem Mundial que estaria sendo criada pelos Illuminatis, para escravizar toda a humanidade novamente. Prepara-se para um romance emocionante, repleto de revelações, que está para começar com Jesus Extraterrestre – A Origem.

Capa que chama atenção e título que intriga, por esses dois elementos Jesus Extraterrestre já seria um livro polêmico, mas isso não é nada se comparado com a trama que Leo Mark criou.

Logo no prólogo Leo já nos adverte a ler com a mente aberta, livre dos preceitos religiosos os quais nos são ensinados desde nossa infância.

Foi o que fiz; li com a mente aberta, pronta para conhecer outras versões sobre a pessoa mais conhecida do mundo: Jesus Cristo, e sabe o que aconteceu?! Adorei!! Na realidade eu não acreditei na teoria que o livro transmite, mas lendo como ficção é muito bom!

Pelo livro ser super complexo e detalhado fica difícil falar mais sobre a história, pois qualquer pontinho pode ser um spoiler, mas para resumir é o seguinte: Imaginem que Jesus era um Extraterrestre, cuja raça era superior à humana, e que por amor e misericórdia a nós, este “E.T.” resolveu vir a Terra como um humano para impedir que nossa espécie se extinguisse? Imaginem também que Jesus conseguiu renascer em pleno século XXI com o nome de David e que os atentados de 11 de setembro foram uma armação para que Jesus (David) morresse novamente. Tudo isso e muito mais você encontra em Jesus Extraterrestre.

O livro faz bastante ligação de fatos históricos (contados por outro ângulo) aos atuais, e dá crédito à teoria da Conspiração, fala inclusive sobre algumas possíveis ordens que querem dominar o planeta, isto é, se já não dominam (como os Illuminatis, que é uma sociedade secreta formada pelas pessoas mais influentes do mundo e que está diretamente ligada à “coisa ruim” que, aliás, também é um E.T. ). Eu sei que lendo o que estou escrevendo vocês devem estar pensando: "que viagem!", mas sério... se vocês lerem sem preconceito, sem essa de que o livro é uma blasfêmia, certamente irá gostar.

Agora não posso negar que o livro é polêmico, ainda mais porque o próprio Leo diz que fez pesquisas históricas para criar o enredo, o que dá pra entender é que ele realmente acredita nessa versão dos fatos. Quando digo polêmico é pelas idéias (e ideologia) do Leo Mark não condizerem com a da maioria das pessoas, de que Jesus foi concebido pelo Espírito Santo, mas em nenhum momento foram questionados seus ensinamentos, pelo contrário o livro ressalta as lições que Jesus (mesmo que extraterrestre) nos deixou: o respeito, o amor ao próximo, a fé.

Um único ponto negativo que me incomodou foram os nomes das personagens, vai ter nome difícil assim lá na China hahahaha Os nomes dos humanos não eram tão difíceis de gravar, mas os dos E.T.s... rsrs Porém tirando isso não tenho mais do que me queixar.

Só para constar: Jesus E.T. é o primeiro de uma trilogia, ainda este ano o segundo será lançado (como segurar a curiosidade?! rs)

Recomendo!


24 comentários:

Joshua Guimarães disse...

Não quero ler, mas nem é por preconceito, mais é porque a história não me chama em nada a atenção. Que bom que você gostou :D

Abraços,
Joshua - Blog Pensamentos do Joshua - pensamentosdojoshua.blogspot.com

Caçadora de Livros disse...

kkkkkkkkkkkkk
Adorei o comentário "vai ter nome difícil lá na China"...
Realmente o tema é polêmico, mas espero realmente que o autor esteja preparado para todas as impressões, positivas ou negativas.
E claro, sucesso pra ele.
bjs

Gisele Galindo ou simplesmente Gi. disse...

Hum... nada contra, nem sou tão religiosa assim p questionar a criatividade de um autor, afinal, ela deve ser livre msm. Mas, não tenho vontade alguma de ler esse livro, pelo menos por enquanto, hehe.

Bela resenha!!!!

bjs***

Sora Seishin disse...

Oi Rapha!
Eu tinha feito um comentário mas deu erro aqui, não sei se foi... Então desculpa se você receber duplicado.
Realmente, só pelo título dá pra perceber que o livro é polêmico. Eu tenho uma mente aberta para esses assuntos, mas acho que muitas pessoas vão se sentir incomodadas. Apesar disso, não é um tema que me atrai, então não fiquei com vontade de ler o livro...
Mas sua resenha está ótima ;)

Beijos,
Sora - Meu Jardim de Livros

Beatriz Gosmin disse...

Nossa Rapha, não pensava que o livro era assim!

Agora fiquei curiosa pra ler, ouvir no caso, o meu audiobook. haha!

(ainda não tive tempo :o)

Beijos
Bia | www.livroseatitudes.blogspot.com

Laís Doce disse...

Olá! Está rolando uma promoção bem legal lá no blog. Confere lá: http://laisdoce.blogspot.com/2012/01/promocao.html

Jade Amorim disse...

Oiee!

Gente, eu adoro livros que falem de religião, sou do tipo que adora uma coisa polêmica! Tanto que , amoo os livros do Eduardo Spohr, do Carlos Ruiz Zafón e do Dan Brown.

Adorei o blog, ele é incrível! Vou seguir! Se puder me dar algumas dicas pra ser um blog literário de sucesso adoraria!

Beijos!

Ana Ferreira disse...

Rapha,

Acho que posso me atribuir a qualidade de leitora livre, na medida do possível. Há, naturalmente, os gêneros que prefiro, mas acho que quando a história é boa de fato, não há necessidade desse apego às leituras de sempre.

De fato, "Jesus Extraterrestre" tem um enredo polêmico, mas o que mais aprecio na nossa época é a liberdade de expressão. Em termos de religião, ainda há muitas tabus e também crenças particulares. Mas o bonito, o que realmente nos liga a nossas almas é esse sentimento bom que não muda de deus para deus, santo para santo. A principal mensagem de fé, de amor e de paz interior. E creio que nisso o livro não peque, como você mesma falou.

Beijinhos,
Ana - Na Parede do Quarto

Alquimia dos Romances disse...

Os grandes bestsellers sao sempre bem polêmicos. Gosto de obras assim, que te desafiam. Te fazem pensar na possibilidade do real. E pela a sua resenha, o livro trata exatamente assim a questao do Cristo e do Anti-Cristo. O menino parece ser um escritor habilidoso. Fiquei curiosa!

Ann Gominho disse...

Oii!!
Quando li a resenha só me veio uma série da History Chanel na cabeça: "Aliens do Passado" (ou qualquer coisa do gênero...) Meu irmão assisti, e muitas das teorias apresentadas é tipo essa do livro, teria haver com aliens... Se eu não me engano, já teve um eps. divagando sobre Jesus ser Alien (mas, não tenho certeza). De qualquer maneira, a série é bem interessante, então, imagino que por mais "polêmico" que seja, o livro também deve ser.

Beijos
Ann G. anngominho.blogspot.com

Ágata Bresil disse...

Olá,

Tive que olhar duas vezes pra ver se tinha lido o título certo do seu post. Meu namorado adoooooooora essas coisas de alienígenas e tá sempre me falando sobre livros assim, mas esse eu nunca tinha ouvido falar. Fiquei curiosa.

To seguindo aqui, comecei agora meu blog, se quiser passa por lá ;) beijos.

Juan disse...

tenho que admitir que o simples fato de o livro ser polêmico já é o bastante para despertar meu interesse. Achei a estória interessante, pouco crível, mas ainda sim curiosa. Se tiver a oportunidade com certeza vou ler.

http://sempre-lendo.blogspot.com/

Abraços
Juan

Mireliinha disse...

Tá... Primeira resenha que leio desse livro e gostei Raphinha!
Leria com certeza!

:*
Mi
Inteiramente Diva

Bruno Miranda disse...

Não é o tipo que leria. Tanto por ser polêmico, e eu ser bem cristão, quanto por ser um tema que não me chama taanta atenção... Beijos!

@minha_estante - Minha Estante

Poly disse...

que livro intrigante o_o
nunca tinha ouvido falar, mas parece legal. não gosto muito dessas coisas de aliens, mas me interessei pelo título.
bjuxxxxx

Automusculação disse...

Certamente que Jesus é E.T porque Ele mesmo disse a Pilatos: Se o meu reino fosse deste mundo os meus soldados viriam me salvar!
ASS: Dr.Wagmar

Automusculação disse...

Jesus Cristo é mesmo E.T, Ele mesmo disse a Pilatos: "Se o meu reino fosse deste mundo os meus soldados viriam me salvar!"

Hannah Monise disse...

É, se fosse pra ler teria que ser com a mente bem aberta. Mas vou dizer que o livro tem uma história legal, mas que só me interessaria se não fosse sobre... Jesus! Por eu ser cristã, tenho um receio de lê-lo!

Beijos, Hannah.
@secretsofbook http://secretsofbook.blogspot.com

Kézia Lôbo disse...

heuheue eu como cristã fico meio assim com esse livros, mas confesso que não tenho nenhum preconceito, só não leio, mas olha que o enredo e a resenhao me deixaram mega curiosa....
Se tiver a oportunidade, quero ler com certeza, só pra saber como que é!

Nathália Risso disse...

Oi Raphinha!
Estava com saudades de passar por aqui também! Mas com essa correria, acaba não dando tempo :/
Puxa vida, fiquei super intrigada com a trama desse livro! Parece-me ser muito bom! Fiquei super curiosa para ler!
Sua resenha ficou ótima, parabéns!
Obrigada pela visita e pelo comentário!
Tem post novo, passa lá :)
Beijos,
Nathi
@bookswonderland
Books in Wonderland

She disse...

Passando rapidinho pra deixar beijo, beijo, carinhos e o desejo de uma excelente semana! Volto depois com mais calma!
She

Paloma (blog AP) disse...

Oi, Rapha! Gostei muito da sinopse do livro e a resenha me deixou mais curiosa ainda. Quanto ao "quê" polêmico, acho que as pessoas (mesmo as mais 'cultas') têm muita dificuldade em separar as coisas. Você não precisa acreditar na história para ler e gostar, ou será que todo mundo que gosta de 'Jogos Vorazes', por exemplo, acredita naquilo? Acho que, por ser algo ligado a religião, as pessoas têm medo de encarar crenças diferentes das suas, mesmo porque, nesse assunto, todas as opiniões têm, tecnicamente, a mesma chance de serem verdade. E deve ser algum tipo de sacrilégio duvidar, eu acho. Mas, voltando ao assunto, fiquei realmente com vontade de ler o livro.

Beijos!

Rafael Fernandes disse...

eu ja li e eh demais

Andressa Leite disse...

A primeira vista parece ser um livro bem doido. Não sou religiosa e adorei a forma como ele tratou essa a historia tao conhecida elo mundo todo. Fiquei bem curiosa em ler, parece ser bem polemico mesmo.

Postar um comentário

Olá, muito obrigada pela visita!
Aproveite e deixe sua opinião a respeito do post, vou adorar! ;)

Para que eu possa responder seu comentário, deixe seu twitter, facebook, e-mail, ou qualquer outra forma de contato rsrs :D

Beijos e volte sempre :*