[Resenha] Quando Ela Se Foi, Harlan Coben

20 comentário(s)

Autor: Harlan Coben
Editora: Arqueiro
Nº de Páginas: 250
ISBN: 978-85-8041-011-2

Adicione o livro no Skoob: aqui.

Compre: R$ 18,70 (Saraiva) x R$ 19,90 (Submarino)

Sinopse: Dez anos atrás, Myron Bolitar e Terese Collins fugiram juntos para uma ilha. Durante três semanas, eles se entregaram um ao outro sem pensar no amanhã. Depois disso, eles se reencontraram apenas uma vez, quando Terese ajudou Myron a salvar seu filho. E ela foi embora, sem deixar vestígios.Agora, no meio da madrugada,ela telefona:“Venha para Paris.” Terese pede a ajuda de Myron para localizar o ex-marido, Rick Collins, que telefonara depois de anos implorando que ela o encontrasse em Paris. Eles logo descobrem que Rick foi assassinado e queTerese é a principal suspeita do crime. Mas algo ainda mais atordoante é revelado: perto do corpo havia longos fios de cabelo louros e uma mancha de sangue que o exame de DNA revelou pertencer à filha do casal. Só que sua única filha morrera em um acidente de carro muitos anos antes. Logo Myron se vê perseguido nas ruas de Paris e de Londres. As agências de segurança de quatro países parecem querer as mesmas informações de que ele precisa para desvendar a morte de Rick e o destino da filha que Terese pensava ter perdido para sempre. Em uma busca desesperada, Harlan Coben cria um mundo de armadilhas imprevisíveis em que conflitos religiosos, política internacional e pesquisas genéticas se mesclam a amizade, perdão e a chance de um novo começo.


“De que valores você abriria mão para salvar alguém que ama?”

Quando Ela Se Foi” é o primeiro livro que leio do autor Harlan Coben e, apesar de suspense policial não ser meu gênero preferido, adorei o livro. É daqueles que você não quer largar, quer chegar logo ao final para descobrir o desfecho de toda a estória.

A narrativa é excelente, Coben tem uma escrita que prende o leitor. Ele consegue descrever toda a cena, mas objetivamente, sem delongas e blá blá blás, o que torna a leitura muito mais agradável.

A estória segue com um ritmo super acelerado; a todo o momento surgem novos fatos, acontecimentos, e algumas pistas, mas, mesmo que você seja um ótimo detetive nem passará pela sua cabeça o final inesperado.

Myron Bolitar é nosso personagem principal (me lembra o Sherlock Holmes, rs). Após 10 anos sem ter contato com Terese Collins, mulher com quem fugiu para uma ilha, depois de grandes decepções na vida de ambos; recebe um telefonema misterioso dela dizendo: “venha para Paris”, a frase poderia até parecer romântica, não fosse o tom de aflição na voz de Terese. A princípio Myron reluta, mas acaba decidindo ir.

Em Paris, Terese revela o motivo da ligação: seu ex marido, Rick Collins, a ligou, dizendo que precisava lhe contar algo surpreendente; porém após a tal ligação ele nunca mais apareceu, simplesmente sumiu. Bolitar resolve ajudá-la, mas acaba descobrindo muito mais do que imaginava: Rick Collins havia sido assassinado e pior: um fio de cabelo da filha de Rick com Teresa fora encontrado no local do crime.

Você pode estar pensando: “nossa, a filha que matou o pai, interessante.” Mas, não é bem assim: a ÚNICA filha do casal morreu aos 08 anos de idade... há 10 anos!!

É... definitivamente é um prato cheio para quem curte livros policiais.

Quem já leu outros títulos de Coben, sabe que o cara é bom e não deve deixar este livro de fora; quem ainda não leu, está perdendo uma grande obra!


Este livro foi cortesia da Editora Arqueiro:


20 comentários:

musicos e cia disse...

suspense policial faz parte dos gêneros que gosto,vou dar uma procurada e comprar este livro, e depois te conto o que achei! abraço e fika na paz;

Jovens Leitoras disse...

Estou lendo esse livro, no finalzinho já e amando! Concordo com tudo o que você disse! Harlan Coben é um gênio! haha

Beijos, Bárbara.
Sobre Meus Livros.

Sofia disse...

Oi Rapha, linda!

Adoro livros do gênero, sinceramente me cativa MUITOOO!!!!! Tenho visto esses novos lançamento e tenho ficado meio que louca, sabe? Hehehe...

Esse não sai da lista de desejados. Parece extremamente bom e curioso...

Adorei sua resenha! :D rsrs

Beijos

Sofia - Lendo de Tudo

Jacqueline Braga Fayão de Andrade disse...

Harlan é Harlan né, e olha que só li um livro dele, mas o cara é um gênio dos livros policiais imprevisíveis, e é justamente isto que eu sempre procuro em uma leitura do gênero.
Quero ler este livro, ótima resenha.
Bjos

jack
www.mybooklit.blogspot.com

juh annye disse...

Adorei a resenha, me interessei muito em ler o livro. Amo livros policiais, e falou que lembra Sherlock Holmes, pronto, já tá na minha meta de leitura haha
xx Juh Annye - Hangover at 16.

Rosane Fantin disse...

Oi,Rapha! Nunca tinha ouvido falar deste autor. A sinopse e a tua resenha me pareceram super favoráveis. Adoro romances de ação e este lembrou um pouco os romances do Dan Brow. Será que me engano? Provável leitura para as férias (minha mala vai ter que ser imensa para carregar tantos livros...rsrsrs)
Beijnhos!
Rosane
http://romancesaovento.blogspot.com

Clícia Godoy disse...

Oi!

Rapha confesso que tenho vontade de ler os livros desse autor mas esse cara tem muitos livros...como vc mesmo lembrou no finzinho da resenha!
hahaha
Estou fugindo de séries que viciam!

Bjinhos
Psiu!
Silêncio Que Eu To Lendo

Paloma (blog AP) disse...

Só li "Não conte a ninguém" dele, e gostei. não é meu estilo favorito, e dificilmente vão vir a ser meus livros favoritos, mas são alguns que eu acredito que vou ler com prazer. Agora fiquei morrendo de curiosidade para saber o que diabos a filha morta tem a ver com a história! Mas vou me segurar para não comprar até eu dar uma esvaziada na estante, a coisa está crítica por aqui também... Mas adorei a resenha!

Beijos

Gisele Galindo ou simplesmente Gi. disse...

Oi, Rapha!

To com 3 livros do Coben na pilha, rs, e cm vc diz na resenha q tds dele são bons... mal espero a hr de lê-los.

bjs***

- kiki s. disse...

Suspense policial também não é bem meu gênero haha mas se você leu e gostou quem sabe esse ano eu possa colocar ele na minha lista de leituras *-*
E sobre as fotos de estante, faz mesmo, todo começo de ano, ou meio, ou todo mês haha eu vivo tirando fotos da minha pra comparar *o* Acho tão legal você ver o quanto evoluiu na quantidde de livros lidos e até nas mudanças de gêneros (:

Beijinhos :**

http://londondreamylondon.blogspot.com/

Naty disse...

Adorei a resenha, todo mundo tem comentado muito bem sobre esse autor, mas ainda não tive a oportunidade de ler (:

Bj;*
Naty.

Paloma Viricio disse...

Adorei...gosto muito dos livros do Harlan! Beijos!
http://palomaviricio.blogspot.com

Entre Fatos & Livros disse...

OI Rapha!

Eu ainda não li nada do autor. Sempre leio boas resenhas sobre o livro dele, mas nunca tive oportunidade de conferir.

Eu gosto mto do gênero. É o tipo de livro q me prende do início ao fim. Qro, com certeza!

BjoO
Pri
Entre Fatos e Livros

Caique Medeiros disse...

Ow valeu Rapha, gostei muito do seu blog também e valeu por gostar do meu hehehe... Sobre a questão de criar um blog pessoal, seria bem legal :) Cria mesmo você é inteligente e vai da certo não tenha duvida.

Que tal uma parceria? heheheh


http://www.caiquemedeiros.com/

Kel Costa disse...

Eu gosto de policiais, mas não é o tipo de livro que eu leia rápido, fico enrolando a leitura e por isso mesmo, nem sempre pego pra conferir. Confesso que esse não me desperta muito a curiosidade, Raphinha rs
Mas gostei da resenha, nunca li nada desse autor.

Bjs,
Kel
www.itcultura.com

Mii disse...

Rapha querida, quanto tempo!

Nossa sua resenha ficou espetacular! ADOREI!!

Menina, estou super fugindo de series grandes, mas a história parece ser fantástica!

Beiijos
http://aoinfinitoealem.com/i

Adriana T disse...

Só li um livro dele, esse está na minha lista, mas como vc esse não é meu estilo preferido, aí acabo sempre passando outros livros na frente. Mas o cara é bom mesmo.

Janna disse...

Oi eu gostei mto da resenha eu já li Não Conte a Ninguém e adorei, tem resenha no meu blog dele.
http://livrospuradiversao.blogspot.com

BjOs!!!

Caíque Fortunato disse...

Oi, ótima resenha, já li esse livro e gostei muito, para mim ele é um dos melhores do autor Harlan Coben.

Abraços
Caique Fortunato - Entre páginas de livros / Twitter

Rapha disse...

Oi Oi pessoal!

pelo jeito td mundo que já leu Harlan gostou dele, né?!
Como eu disse nao é meu genero favorito, mas tenho que dizer que o cara é bom no que faz e o final foi bem surpreendente!

Beeijocas!

Postar um comentário

Olá, muito obrigada pela visita!
Aproveite e deixe sua opinião a respeito do post, vou adorar! ;)

Para que eu possa responder seu comentário, deixe seu twitter, facebook, e-mail, ou qualquer outra forma de contato rsrs :D

Beijos e volte sempre :*