A vez de quem?! {Por Dani Inocêncio}

18 comentário(s)
Imaginem deparar-se com um envelope de papel pardo em cima de sua mesa, após chegar de um exaustivo dia de trabalho. Surgem, pois, uma série de perguntas, entre as quais “o que é?” e “quem me mandou?” não poderiam deixar de ser respondidas...

Pois deixei meus pertences sobre a mesa e avidamente me apossei daquele embrulho sem cor e, imediatamente, fui só sorrisos! A nossa querida Raphaela havia me mandado um livro, cujo título já me deixara intrigada. Li com atenção: “A vez da minha vida”, de Cecelia Ahern. Hmm, um livro da autora de PS: Eu te amo, que maravilha! 


Contudo, me detive no título uma vez mais. A vez de quem...? Perguntei-me... Mas que título é este? E o título ainda era seguido por uma frase que me impressionou: “E se você tivesse a chance de mudar a sua vida?”. De chofre, pensei: obviamente podemos mudá-la, mas por que seria preciso? E quando comecei a leitura, percebi que Lucy e eu tínhamos mais em comum do que podia imaginar... 

Da mesma maneira que esta linda surpresa me chegou pelos Correios, chega também a chance de Lucy Silchester modificar sua vida. Já no primeiro capítulo nos deparamos com esta personagem de vida caótica, morando em um apartamento tumultuado, sujo e com pilhas de roupas pelo chão, com um gatinho encontrado na rua, que mantém escondido de seu senhorio. Imediatamente desviei o olhar para minha própria pilha desordenada de livros sobre a mesa...

Contudo, tal desordem não nos é revelada de súbito. Lucy nos envolve em algumas narrativas deliciosas, insinuando-nos uma vida incrivelmente perfeita, seguidas de um desconcertante: “Eu menti”. Lucy Silchester mentia, e mentia discriminadamente. Não por ser uma pessoa ruim, tampouco era louca... Simplesmente porque uma mentira passara a guiar sua vida e a desenrolar um carretel inteiro de mentiras para sustentar este aleive inicial.

Lucy namorava Blake, o homem desenhado à imagem da perfeição: aventureiro, amigo, bom anfitrião, cozinheiro de mão cheia. E quando vira seus sonhos desmantelados porque este homem a deixara, tudo o mais em sua vida parecera sair dos trilhos. Perdera o emprego, o apartamento e vira-se contando uma mentira a seus amigos, ao informá-los que ela o deixara, e não o inverso.

Entretanto, pouco se sabe sobre Blake, que está distante, vivendo maravilhosamente uma aventura televisiva, viajando por todos os continentes, enquanto ela tem de encarar todos os dias os amigos, alguns deles claramente recriminando-a por ter abandonado um homem tão perfeito.

Neste cenário, vemos Lucy recusando-se a encontrar com sua Vida, passando pouco tempo com sua família e seus amigos, trabalhando em um emprego medíocre e atolando-se em mentiras. A única pessoa para quem consegue contar a verdade é um desconhecido com quem falara ao telefone um dia, e com quem passa a trocar mensagens e telefonemas.

Em uma de suas visitas à sua família, Lucy descobre que as tentativas intermitentes de sua vida entrar em contato com ela é uma iniciativa de sua mãe. E, embora tenha se indignado com esta determinação de sua mãe, Lucy resigna-se e decide encontrar com sua Vida.

A primeira impressão não fora a das melhores. E neste momento tenho certeza de que qualquer leitor que se preze fez-se o mesmo questionamento: que aparência minha vida teria se fosse uma pessoa? Certamente eu me espantaria se a visão que tivesse fosse a mesma de Lucy: um homem maltrapilho, mal-cheiroso, rude e atrevido. Lucy deixara a reunião com sua Vida mais infeliz do que quando havia se resignado em encontrar alguma resposta. Contudo, sua Vida não desistiu da senhorita Silchester, e continuou a importuná-la até ver alguma mudança acontecendo.

A partir deste momento vemos a trama ganhando corpo e cores e nos deliciamos com o crescimento de Lucy. Não sem sofrimento ou erros, devo apontar. Ainda assim, o desvelar das mentiras e invencionices de Lucy ajuda a criar outro cenário, um cenário em que esta personagem redescobre a vida, o mundo, as pessoas, e a si mesma.

Confesso que esse delicioso livro me encantou bastante... Eu me sentia assistindo a uma deliciosa comédia romântica, enquanto via e vivia o amadurecimento de Lucy. As personagens são cativantes e tão imperfeitas quanto qualquer um de nós... Sem dúvida, Cecelia Ahern me respondeu com propriedade à minha pergunta ao manusear aquele livro pela primeira vez. De quem é a vez? Da minha vida! E da sua? 
*.*
Sinopse: Certo dia, quando Lucy Silchester volta do trabalho, há um envelope de ouro no tapete. E um convite dentro dele para se encontrar com a Vida. Sua vida. Pode soar peculiar, mas Lucy leu sobre isso em uma revista. De qualquer forma, ela não pode ir ao encontro: está muito ocupada desprezando seu emprego, fugindo de seus amigos e evitando sua família. Mas a vida de Lucy não é o que parece. Algumas das escolhas que fez — e histórias que contou — também não são o que parecem. Desde o momento em que ela conhece o homem que se apresenta como sua vida, suas meias-verdades são reveladas totalmente — a não ser que ela aprenda a dizer a verdade sobre o que realmente importa. Lucy Silchester tem um compromisso com sua vida — e ela terá de cumpri-lo. (skoob)

Daniela de Souto Inocêncio, tem 23 anos, formada em Letras – Português, mora em Brasília. Deslumbrada por livros e música, fez dos primeiros sua profissão e primeiro amor e, da segunda, sua paixão.

18 comentários:

Alice Aguiar disse...

gostei muito
o livro parece ser mega legal
eu tenho em casa, mas ainda nao li
vou ver se adianto a leitura dele

Srt . Vasconcelos disse...

apesar desse livro ter uma coisa que eu odeio em livros (colocar foto do personagem na capa) eu leria, porque realmente acho essa história cativante, diferente e interessante. Queria que chegasse um assim pra mim, pelo correio :( IDIHSAOIDAS BJ

Hannah Monise disse...

Ainda não li esse livro, mas estou ansiosa para fazer a leitura do mesmo.
Gosto da capa, bem diferente e a história parece ser intrigante!
Gostei da resenha.

Beijos,
Hannah - Secrets of Book.

Daniela Inocêncio disse...

Que bom, meninas! Espero que leiam mesmo e gostem!

Adriana Balreira disse...

Dani,
Adorei como vc resenhou o livro, agora sim deu vontade de ler esse livro. Já tinha visto e lido várias outras resenhas desse livro e nenhuma me chamou tanta atenção e vontade de le-lo. Muito legal, romance deve ser gostoso mesmo.
Beijos
Adriana

Paola Patricio disse...

Ainda tenho que ler esse livro... Mas estou etão emotiva ultimamente que vou me despedaçar de chorar...rsrsrs

Beijos

Paloma Viricio disse...

Aê...Parabéns pela resenha. Gostei e achei bem diferente o seu mode de escrever. È bom quando nos identificamos com as personagens, né? Agora fiquei mais ansiosa para ler esse livro.Beijos!
Paloma Viricio- Jornalismo na Alma

Gabi Lopes disse...

Ótima resenha!!!

Muito boa mesmo, eu estou doida para ler esse livro,a autora é maravilhosa e parece o tipo de livro que estou precisando nesse momento..rs

/Abraços

Gabi Lopes

Maressa de Sousa disse...

Eu li alguns capítulos desse livro e já me diverti bastante! Logo nos primeiros ela faz justamente essa brincadeira que você citou, fala do namorado perfeito que está num programa, que está falando algo diretamente pra ela, como uma declaração mas depois de tudo vemos que era mentira e que na verdade a vida de Lucy estava mesmo uma bagunça! E podia mais alguma coisa dar errado? Acho que ela precisava mesmo de uma ajudinha. Ah, e esqueci de dizer que além de ser uma personagem extremamente divertida apesar dos pesares alguém me chamou ainda mais atenção do que Lucy, foi o gato dela. Sério, ele tem um nome engraçado ^^

desconstruindoaspalavras.blogspot.com.br

Alyne Lemos disse...

Adorei a sua resenha. o modo como escreveu foi fantástico!
Estou louca pra ler P.S. Eu Te Amo, e quem sabe, leio esse depois?
Beijos!


http://paginasnaestante.blogspot.com.br/
@pginasnaestante

Fernanda Souza disse...

Oi Dani, tenho ouvido comentarios maravilhosos sobre 'A vez da minha vida', mas como não me animei com PS Eu te amo, também não me animei com esse.
Espero conferir em breve.

Beijos
Fernanda Souza

Julia G disse...

Dani, que texto ótimo (posso dizer que é uma resenha?)!
Adorei a criatividade para montar a narrativa, e ainda mais a opinião sobre o livro.
Quero muito ler essa história, ainda mais por ser dessa autora.

Beijos

Mylla Stefany disse...

Aww... Cecelia Ahern... <3

Ela virou uma das minhas autora preferidas por causa de Ps eu te amo que é uma história muito triste sobre o amor. Agora quero ler todos os livros dela!!!

Beijokas :*
Blog da Mylloka

Priscila Vallejos disse...

Esse livro é o proximo que vou ler rsrsrs

Não sei se gosta disso ou aceita, mas eu indiquei você numa tag: http://returningtodarkness.blogspot.com.br/2013/02/tag-11-perguntas.html
Beijos <3

Claris Ribeiro disse...

No post das receitas você pediu para te passar a receita de pasta americana né, vou fazer um post especial com essa receita então! :D

Ganhei esse livro em uma gincana, estou louca esperando chegar! Gostei muito da sua resenha, fiquei com mais vontade de embarcar nessa deliciosa comédia romântica! *-*

Ah, tem meme pra você no meu blog! Espero não importar com a indicação!

Obrigada pelo carinho. Beijos! :*
Claris - Plasticodelic

Tullia Maria disse...

Ai, Dani... Você só me deixou com mais vontade ainda de ler "A Vez da Minha Vida"!! Do jeito que você descreveu, o livro parece maravilhoso!! Adorei sua indicação!!

Daniele disse...

Nunca li nada da autora, mas já assisti ao filme PS Eu Te Amo, que é muito lindo por sinal, com certeza o livro deve ser bem melhor.. Quero muito ler este livro parece ser muito bom! :)

Beijinhos
Dani
http://chabiscoitoseumlivro.blogspot.com

Daniela Inocêncio disse...

Gente,

Fiquei muito feliz que tenham gostado da minha resenha (creio eu hehehe) sobre o livro!
E fiquei mais feliz ainda de ver que tem gente que ficou com vontade de ler o livro por causa do texto!
De verdade, espero que gostem!

Beijos,

Postar um comentário

Olá, muito obrigada pela visita!
Aproveite e deixe sua opinião a respeito do post, vou adorar! ;)

Para que eu possa responder seu comentário, deixe seu twitter, facebook, e-mail, ou qualquer outra forma de contato rsrs :D

Beijos e volte sempre :*