A Morte do Cozinheiro - Allan Pitz

24 comentário(s)
Boa tarde geeeente!! ;)

Sei que hoje não é dia de resenha, mas até eu conseguir organizar e programar os post direitinho o Doce Encanto vai continuar meio bagunçado e sem o calendário ou agenda de posts, ok?
E infelizmente hoje não vai ter a famosa seção (risos) Quarta Nacional. Achei melhor fazê-la quinzenalmente, e como eu já estou atrasada com esta resenha (li o livro segunda-feira passada) vou fazer hoje.

A Morte do Cozinheiro
Autor: Allan Pitz
Editora: Abouve Publicações
Páginas: 80


Sinopse: "É verdade, eu matei o cozinheiro. Em momento algum deste livro negarei que matei o sórdido cozinheiro com minhas próprias mãos de escrever versos. Havia motivo claro em saciar-se com a sua morte, morte de quem por carne e gozo objetou-se ao incomensurável amor que me tornava tão puro. Eu estripei-o com suas facas imundas de trabalho banal, e escalpelei por mimo infantil, de criança brincalhona, ao ver os índios e escalpes na TV. Matei o demônio com noventa facadas, cultivando um novo demônio sanguinário em mim, portanto não negarei ter feito a coisa mais maravilhosa que eu poderia fazer por minha inconsequência gloriosa naquele momento: Eu matei o cozinheiro."

Começo a resenha dizendo, ou melhor escrevendo, que o livro é pura DOIDERA! (risos), na minha opinião é a palavra que melhor descreve o livro. Logo no começo você já sabe que Luiz, o "assassino", matou o Cozinheiro, então isso não é um mistério para ninguém.

Luiz é um apaixonado frustrado, com muita dor de cotovelo que encontra-se sozinho e desiludido já que sua quase esposa agora encontra-se nos braços de Lucas, um humilde cozinheiro, enquanto ele.. ah, ele agora é um renomado escritor.
Como o próprio Luiz diz, Carmen parece fazer questão de mostrar ao mundo como está feliz ao lado de Lucas, divulgando isso em várias redes socias das quais participa e isso só o deixa ainda mais infeliz. Com toda essa situação, Luiz acaba ficando completamente transtornado e é de onde surge a ideia maluca de MATAR o cozinheiro.

O livro é narrado em 1ª pessoa, o que eu achei O MÁXIMO, porque parece que você está vendo as cenas, e durante toda a leitura - e até agora - me pergunto se o próprio Allan Pitz matou o cozinheiro, porque toda aquela loucura parece ser real!! hahaha
Quanto a história, o que posso dizer?
Eu ADOREI. Nunca tinha lido nada que mostrasse a outra face do amor, como a obsessão e um amor doentio, que deixa a pessoa em um estado de loucura tão grande, a ponto de não saber mais o que é certo ou errado, e nem  distinguir o real da imaginação. Mas o que mais me impressionou foi a escrita do Allan, o cara é F***, digo, BOM! ;) hahaha
Ele possui um vocabulário rebuscado e sua narrativa prende o leitor no ínicio ao fim.

Allan, muito obrigada pelo exemplar. Foi uma honra ter lido A Morte do Cozinheiro!

É um livro que eu super recomendo!


Quer o livro na sua estante?!
Compre aqui.
 Adicione o livro no Skoob:
A Morte do Cozinheiro
Conheça outros trabalhos do Escritor:
http://paquidermesculturais.blogspot.com/

~ ~

Obs. SUPER IMPORTANTE: Assim que esse post atingir 20 comentários vou sortear um exemplar entre os comentaristas ;)

Beeeeijo pessoal!!

~ ~

POST ATUALIZADO:
 (17/02)
 
E o(a) sortudo(a) que vai levar o Livro pra casa é:

Parabéns Má!!


24 comentários:

Paola Patricio disse...

Parece ser muito engraçado!
Já tinha ouvido falar desse livro e não me interessei mto! Mas, sua resenha me chamou atenção!

Parabéns Rapha!
Beijos,
Paola Patrício
Plantão Online

Vanessa News disse...

Parabéns pela resenha Rapha! Já li A Morte do Cozinheiro e achei fabuloso! Beijos!

Gisele Galindo ou simplesmente Gi. disse...

Confesso, a capa me dá arrepios... rs


Amei a resenha, Rapha!

;)

bjs***

Ana Ferreira disse...

O livro me interessa. Ele é macabro e, paralelamente, tem essa pegada mais sarcástica e irônica própria da loucura. Adoro histórias de amores obsessivos, adoro escrever amores obsessivos. haha Acho que é um sentimento muito pesado, que mexe com o leitor e garante uma leitura interessante.
Ótima dica, Rapha!
Beijinhos :*

Marina Trevisan disse...

Nossa... gostei dessa história. haha
:)

beeijo rapha ;*

Thalía disse...

Olá!

Já vi muitas resenhas desse livro nos blogs, mas nenhuma tinha me chamado tanta atenção como a sua. Parabéns pela resenha!
Se o livro é doideira então eu irei gostar ahushaushuah.

Beijos!

Thalía
livro-mania.blogspot.com

Lu disse...

To loucaaaaaa pra ler esse livro! Parece ser bem o meu tipo. E pela resenha, parece bem o tipo de livro que te prende e te faz dar muitas risadas, ahahahah. Ai, quero ler ele logo. Beijao

Luiza,
Express Coffee

Rafa disse...

Oiiii... Pelo jeito eh bom esse aí!!!
Vc me mandou seu link pelo skoob e jah estou seguindo...meu blog eh: http://seteminutosnoparaiso.blogspot.com


bjossssss

Mariana Ribeiro disse...

Olá Rapha, apesar de ter visto muitos comentários positivos ainda não muito a fim de ler este livro. Na verdade a sinopse não chamou a minha atenção.
Mesmo assim, adorei a sua resenha!
Bjos.

Mariana Ribeiro
Confissões Literárias.

Isa Rosa disse...

Realmente, se eu fosse julgar "o livro pela capa", não chamaria minha atenção!
Mas admito que a resenha me deixou curiosa para conhecer essa loucura toda!

Beeijos

Just a Girl disse...

Adorei a resenha. Achei super legal o nome. Fiqui curiosa para ler essa loucura toda.

Anna Furtado disse...

Oi Rapha! Eu tô terminando de ler o livro e também tô gostando bastante! E sim, o livro é mesmo louco! Beijocas :*

jean disse...

prabéns mor!
adorei a resenha :)
e assino em baixo: "Mas o que mais me impressionou foi a escrita do Allan, o cara é F***, digo, BOM! ;) hahaha
Ele possui um vocabulário rebuscado e sua narrativa prende o leitor no ínicio ao fim."

se resume em td q eu achei também :P
beijo coração
te amo
;*

jean disse...

{//blogspot deveria colocar uma opção de réplica ou pelo menos quote//}

mas ja q não tem, Mariana Ribeiro:
eu recomendo q vc leia, é um livro bastante interessante e se vc não gostar fica tranquila pq vc não vai perder muito tempo pra ler. em poucas horas vc termina de ler o livro, é bem curtinho.. e EU q não sou muito de ler (a rapha q o diga) adorei o livro... (ser pequeno ajudou) heuheu

então fica minha recomendação. leia mesmo! :)

até mais!

Raphaela disse...

Oi pessoal ;D

Sim o livro é bom mesmo!
E tambem é muito louco.. não dá pra explicar direito, só lendo pra saber do que eu falo hehehe

Ah... terá Quarta Nacional com o Allan :)

Beeeijao pra todos!

Mayara Pongitori disse...

Raphaaaaaaa!
Há qnt tempoooo! hehehe \o/

Adorei a resenha, tô curiosa pra ler esse livro, saber como o Allan escreve.

Beijoooo

Camilla Rabelo disse...

Confesso que nunca ouvi falar desse livro, e a princípio achei estranho. Mas nada como uma resenha para nos dar uma ideia do que ler e do que não ler.

Esse vai pra minha estante!

=D

Entre Fatos & Livros disse...

Eu adoro esse livro. Achei genial a forma como o autor descreve os sentimentos das personagens. Super vale a pena.

Bj
Pri
Entre Fatos e Livros

Andréa disse...

Olá!!

Eu sou louca pra ler esse livro!! Acho que nunca vi alguem falar mal dele!!

Bjus!

Li Algarves disse...

Gostei muito da resenha... adoro livros "doideira" e esse parece ser bem interessante!
;**

Camila Lemos disse...

Todo mundo que le o livro fala que ele é super maluco!!
Pra mim também é novo ler algo que fala sobre
obsessão e o amor doentio.
Outra coisa que me deixou super animada para ler foi ler voce falando da narrativa, deve ser impressionante memso!
Adorei a resenha Rapha
Aposto que esse livro também vai me prender do começo ao fim :D
Parabéns para a sortuda ganhadora
Beijo, beijo

It Cultura disse...

Hahaha legal a resenha, deve ser uma história doida mesmo. Já tinha visto falar bem sobre o livro... Não sei pq ainda não tentamos parceria com o Allan...

Bjs,
Kel - It Cultura
http://www.itcultura.com

Mii disse...

Allan pitz é um fofo!
O livro dele é doidera mesmo, mas é muito legal!

Me diverti bastante!

beiijos
http://aoinfinitoealem.com/

Raphaela disse...

Eu gostei bastante do livro e o Allan é Suuuuper simpático!!
Kel tenta parceria com ele sim!! *-*

Beeeijos

Postar um comentário

Olá, muito obrigada pela visita!
Aproveite e deixe sua opinião a respeito do post, vou adorar! ;)

Para que eu possa responder seu comentário, deixe seu twitter, facebook, e-mail, ou qualquer outra forma de contato rsrs :D

Beijos e volte sempre :*